William Oliveira

Carreira em programação, JavaScript, Nodejs, Performance Web, Git, GitHub, Linux, Open Source, mas também coisas realmente importantes como inclusão e diversidade - Vim da periferia pro mundo

Quanto cobrar pelo Freelance?

Muita gente, iniciante ou não, tem dúvidas de quanto cobrar por um Freelance…

A resposta é: Não existe um valor padrão para o Freela!

Seja projeto pequeno ou grande, que demanda muito tempo ou pouco. É tudo muito variável… Você tem de calcular quanto tempo vai demorar, quanto vai custar sua hora e por ai vai, mas relaxa, vou tentar ajudar aqui.

saco de money

Primeiro pesquise o Mercado

Antes de colocar qualquer preço no seu trampo, analise ao redor o quanto as outras pessoas cobram, pois você pode colocar um valor muito alto para algo que não custa tanto ou um valor muito baixo onde deveria cobrar caro por falta de experiência e conhecimento de Mercado.

Veja se você tem experiência, também, para pegar aqueles projetos grandes. Se não tem, cuidado. Comece por projetos pequenos e vá pegando os mais pesados gradativamente.

Antes de pegar o trampo estude! (Ou aprenda a se organizar)

Antes de aceitar qualquer trampo - Como eu disse ali em cima - veja se tem capacidade para assumir essa responsabilidade, seja em quesitos de conhecimento técnico ou organização.

Se você tem muito conhecimento, ótimo, se não tem, procure aprender o máximo. O Freelancer normalmente se vira sozinho, portanto é bom que você manje sobre o que você vai fazer.

Se você já tem conhecimento suficiente para aceitar qualquer trampo, então veja se tem organização para cumprir prazos. Se não tem, comece a estudar sobre organização. Conheça ferramentas e metodologias para se organizar.

Eu, particularmente, curto a metodologia Scrum(Da uma olhada nesse livro, é bem maneiro), uso o Trello para gerenciamento dos projetos e gosto da técnica de Pomodoro para ser produtivo.

Para marcar minhas tarefas, fazer listas e tudo mais eu uso o Wunderlist, para datas importantes Google Agenda e para armazenar arquivos importantes como contratos, briefings, propostas, etc, uso o Google Drive.

Quanto custa sua hora

Pra se chegar ao valor de um Freela é necessário saber quanto custa sua hora. Existem algumas maneiras de se chegar ao valor final, mas eu vou pular para o jeito mais fácil aqui. Antigamente eu calculava na canetinha pra saber isso, porém conheci o site:

http://www.minhahora.entreoutros.com/

Que nos ajuda a chegar no valor final. Porém seja sensato ao estipular os valores ai ein…

E quanto vai custar o projeto

Você deve, agora, estipular quanto tempo vai levar para produzir cada etapa/tela/funcionalidade/etc do projeto. Por exemplo: Sistema de Login (10 horas), Telas (10 telas 2 horas cada), etc.

Some tudo e veja quantas horas o projeto inteiro vai demorar. Com o valor total de horas que o projeto vai demorar em mãos, multiplique pelo seu valor hora. Cuidado nessa etapa jovem, se você é iniciante e colocou um valor muito alto na sua hora, seu projeto vai sair bem caro, pois é certeza que você demora mais para produzir determinadas funcionalidades e seu cliente não vai curtir nadinha(;P). Por isso você deve ter bom senso e auto crítica para colocar um valor razoável no calculo. Se você é iniciante e chutou muito alto, avalie a possibilidade de refazer o calculo anterior.

Ex.: Se sua hora custar 35 Dilmas e o tempo total do projeto chegou a 40 horas, o projeto sairá por 1400 Dilmas! (40 horas * R$ 35,00).

Um porém

Porém, entretanto, toda via, você não colocou ali o custo que vai ter para produzir. Ou seja, não somou com a conta de energia, internet, equipamentos, softwares… Você deve incluir isso no valor total também. Senão esse gasto vai sair somente do seu bolso(Não esquece de colocar o valor do café né meu?).

E como receber

Tem muitas formas de se receber do Cliente, seja por Paypal, Pagseguro, transferência bancária, dinheiro na mão. Sinceramente, não é o meio de pagamento que é o problema nesse momento, mas como você vai receber, pois, nem sempre - Quase nunca - o cliente vai pagar a vista.

Então como receber?

Simples: Se você tem um projeto que vai custar 1400. Então você pode querer receber 50% no começo do projeto e 50% no final? (2 x 700 Dilmas)

Não!!! Não faça isso meu querido! Isso é perigoso…

Seguindo o exemplo do Leandro Oriente eu comecei a cobrar por etapas fazendo o seguinte:

Se eu demoraria 10 horas no Sistema de Login, eu calculo quanto isso vai custar (Seguindo nosso exemplo até agora, 10 horas * R$ 35,00) e recebo 50% desse valor antes e 50% desse valor depois de eu terminar ESSA etapa do projeto e não do projeto inteiro.

Como fala no post do Leandro, isso também é bom para que o Cliente vá seguindo cada etapa do projeto e veja que você, realmente, está trabalhando. ;)

É interessante nessa etapa você conhecer o Scrum, pois pode cobrar por Sprint entregue.

Espalhe a palavra!

Compartilhe este artigo nas redes sociais clicando nos ícones.

Deixe um comentário